AbcMed
BERA é a sigla em português que corresponde à sigla BAER em inglês para brainstem auditory evoked response. É um exame auditivo que mede como o cérebro1 processa os sons que uma pessoa ouve. O exame avalia a integridade das vias auditivas, desde a entrada no ouvido até o córtex cerebral, podendo determinar se existe ou não perda auditiva e localizar em que estrutura anatômica ela se dá: se na cóclea, no nervo auditivo ou no tronco encefálico2.
1 Cérebro: Derivado do TELENCÉFALO, o cérebro é composto dos hemisférios direito e esquerdo. Cada hemisfério contém um córtex cerebral exterior e gânglios basais subcorticais. O cérebro inclui todas as partes dentro do crânio exceto MEDULA OBLONGA, PONTE e CEREBELO. As funções cerebrais incluem as atividades sensório-motora, emocional e intelectual.
2 Tronco Encefálico: Parte do encéfalo que conecta os hemisférios cerebrais à medula espinhal. É formado por MESENCÉFALO, PONTE e MEDULA OBLONGA.
   [Mais...]

A mamotomia, também chamada Biópsia1 Percutânea Assistida a Vácuo, é uma biópsia1 que pode ser feita ambulatorialmente e que tem como objetivo esclarecer alterações observadas em uma mamografia2. Ela é uma alternativa à biópsia1 tradicional, obtida por meio de cirurgia.
1 Biópsia: 1. Retirada de material celular ou de um fragmento de tecido de um ser vivo para determinação de um diagnóstico. 2. Exame histológico e histoquímico. 3. Por metonímia, é o próprio material retirado para exame.
2 Mamografia: Estudo radiológico que utiliza uma técnica especial para avaliar o tecido mamário. Permite diagnosticar tumores benignos e malignos em fase inicial na mama. É um exame que deve ser realizado por mulheres, como prevenção ao câncer.
   [Mais...]

Tireoide - 29/04/20
O bócio1, vulgarmente conhecido como "papo", é um quadro de crescimento crônico2 da glândula3 tireoide4, que pode ser facilmente perceptível como uma protrusão no pescoço5. O bócio1 mergulhante tem a mesma natureza clínica de qualquer outro bócio1, mas o seu crescimento se dá principalmente para dentro da cavidade torácica.
1 Bócio: Aumento do tamanho da glândula tireóide, que produz um abaulamento na região anterior do pescoço. Em geral está associado ao hipotireoidismo. Quando a causa desta doença é a deficiência de ingestão de iodo, é denominado Bócio Regional Endêmico. Também pode estar associado a outras doenças glandulares como tumores, infecções ou inflamações.
2 Crônico: Descreve algo que existe por longo período de tempo. O oposto de agudo.
3 Glândula: Estrutura do organismo especializada na produção de substâncias que podem ser lançadas na corrente sangüínea (glândulas endócrinas) ou em uma superfície mucosa ou cutânea (glândulas exócrinas). A saliva, o suor, o muco, são exemplos de produtos de glândulas exócrinas. Os hormônios da tireóide, a insulina e os estrógenos são de secreção endócrina.
4 Tireoide: Glândula endócrina altamente vascularizada, constituída por dois lobos (um em cada lado da TRAQUÉIA) unidos por um feixe de tecido delgado. Secreta os HORMÔNIOS TIREOIDIANOS (produzidos pelas células foliculares) e CALCITONINA (produzida pelas células para-foliculares), que regulam o metabolismo e o nível de CÁLCIO no sangue, respectivamente.
5 Pescoço:
   [Mais...]

O vírus1 que causa a doença do coronavírus 2019 (COVID-19) é estável por várias horas a até dias em aerossóis e superfícies, de acordo com estudo do The New England Journal of Medicine. Confira no infográfico o tempo de permanência em diferentes superfícies.
1 Vírus: Pequeno microorganismo capaz de infectar uma célula de um organismo superior e replicar-se utilizando os elementos celulares do hospedeiro. São capazes de causar múltiplas doenças, desde um resfriado comum até a AIDS.
   [Mais...]

Saúde da Mulher - 28/04/20
Um coletor menstrual é um tipo de produto reutilizável de higiene feminina, mais ou menos assemelhado a uma taça ou a um funil, destinado a recolher o fluxo menstrual. É pequeno e flexível, feito de borracha, silicone médico ou plástico elástico, como os usados em cateteres e implantes médicos, que a paciente insere na vagina1 para capturar e coletar fluidos menstruais.
1 Vagina: Canal genital, na mulher, que se estende do ÚTERO à VULVA. (Tradução livre do original
   [Mais...]

Estudos recentes sugerem que a COVID-19 pode ser transmitida por pessoas infectadas mesmo na ausência de sintomas1 da doença. Embora o distanciamento social e a boa higiene das mãos2 sejam os métodos mais importantes para impedir a transmissão do vírus3, novas diretrizes afirmam que indivíduos saudáveis ​​podem considerar o uso de máscaras em ambientes públicos.
1 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
2 Mãos: Articulação entre os ossos do metacarpo e as falanges.
3 Vírus: Pequeno microorganismo capaz de infectar uma célula de um organismo superior e replicar-se utilizando os elementos celulares do hospedeiro. São capazes de causar múltiplas doenças, desde um resfriado comum até a AIDS.
   [Mais...]

Um oncocitoma é um tumor1 constituído por oncócitos, células2 epiteliais caracterizadas por uma grande quantidade de mitocôndrias, resultando em um citoplasma3 granular acidofílico abundante. As células2 e o tumor1 que elas compõem são geralmente benignos, mas às vezes podem ser pré-malignos ou malignos.
1 Tumor: Termo que literalmente significa massa ou formação de tecido. É utilizado em geral para referir-se a uma formação neoplásica.
2 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
3 Citoplasma: A parte da célula que contém o CITOSSOL e pequenas estruturas, excluindo o NÚCLEO CELULAR, MITOCÔNDRIA e os VACÚOLOS grandes. (Tradução livre do original
   [Mais...]

Oxímetros são aparelhos de concepção1 simples, embora envolvam uma tecnologia complexa, destinados a realizar a oximetria do sangue2, por meio da transparência do fluxo sanguíneo, baseados na cor da hemoglobina3 captada em certas áreas do corpo.
1 Concepção: O início da gravidez.
2 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
3 Hemoglobina: Proteína encarregada de transportar o oxigênio desde os pulmões até os tecidos do corpo. Encontra-se em altas concentrações nos glóbulos vermelhos.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 17/04/20
A espermatocele é uma bolsa anormal (um cisto) que se forma no epidídimo1, o pequeno tubo espiral com cerca de seis metros de comprimento onde o esperma2 amadurece à medida que caminha. A espermatocele, que geralmente é indolor e não cancerosa, é preenchida com um líquido leitoso ou trasnparente que contém esperma2.
1 Epidídimo: O epidídimo é um pequeno ducto, com cerca de seis centímetros de comprimento, enrolado sobre si mesmo, que coleta e armazena os espermatozóides produzidos pelo testículo. Localiza-se atrás do testículo, no saco escrotal, e desemboca na base do ducto deferente, o canal que conduz os espermatozóides até a próstata.
2 Esperma: Esperma ou sêmen. Líquido denso, gelatinoso, branco acinzentado e opaco, que contém espermatozoides e que serve para conduzi-los até o óvulo. O esperma é o líquido da ejaculação. Ele é composto de plasma seminal e espermatozoides. Este plasma contém nutrientes que alimentam e protegem os espermatozoides.
   [Mais...]

A esofagectomia é um procedimento cirúrgico para remover parte ou todo o esôfago1 (tubo entre a boca2 e o estômago3 que faz parte do sistema digestivo4) e depois reconstruí-lo usando parte de outro órgão, geralmente o estômago3.
1 Esôfago: Segmento muscular membranoso (entre a FARINGE e o ESTÔMAGO), no TRATO GASTRINTESTINAL SUPERIOR.
2 Boca: Cavidade oral ovalada (localizada no ápice do trato digestivo) composta de duas partes
3 Estômago: Órgão da digestão, localizado no quadrante superior esquerdo do abdome, entre o final do ESÔFAGO e o início do DUODENO.
4 Sistema digestivo: O sistema digestivo ou digestório realiza a digestão, processo que transforma os alimentos em substâncias passíveis de serem absorvidas pelo organismo. Os materiais não absorvidos são eliminados por este sistema. Ele é composto pelo tubo digestivo e por glândulas anexas.
   [Mais...]

Mostrar: 10
<< - < - 3 - 4 - 5 - 6 - 7 - 8 - > - >>
51 a 60 (Total: 2139)
  • Entrar
  • Assinar